Vender pela internet: uma ótima oportunidade para micro e pequenas empresas.

Foi-se o tempo em que vender pela Internet era algo inacessível aos pequenos negócios. Segundo o IPEA (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada), o número de sites de comércio eletrônico no Brasil cresceu 200% no período entre 2003 e 2008. Tal crescimento, acompanhado pelo aumento na demanda por essa modalidade de compra, compõe o cenário ideal para que cada vez mais empreendimentos se aventurem no universo do e-commerce.

Hoje em dia, qualquer um pode lançar mão desse canal de venda, investindo pouco e sem precisar de conhecimentos técnicos sobre TI. Existem diversos sites que oferecem soluções prontas para lojas virtuais com mensalidades cada vez mais acessíveis. Funciona como um aluguel. Porém ainda há a possibilidade do empresário adquirir seu próprio sistema. Nesse caso, terá que investir também na contratação de serviços de profissionais que implantam e customizam a plataforma para a empresa.

No entanto, é importante que o empresário atente para o processo logístico por trás da operação. Isto significa cuidar para que não falte mercadoria em estoque e para que ela chegue ao cliente nas condições adequadas e dentro do prazo definido.

Outro função que será bastante exigida do empresário refere-se a promoção da loja. E nada melhor que isto seja feito através do próprio canal de venda: a Internet. Há varias formas de realizar o marketing digital da empresa, inclusive com custo zero, através da otimização em buscadores e da divulgação da loja em redes sociais. Para auxiliar os empreendedores, os próprios sites de aluguel de loja virtual fornecem ferramentas para que sua loja e seu produto sejam facilmente encontrados pelos mecanismos de busca. Os pacotes dessas soluções incluem ainda fornecimento de relatórios com informações sobre faturamento e produtos mais demandados, ferramentas de controle de estoque, serviços contra compradores fraudulentos, entre outras funcionalidades.

As vantagens da loja virtual sobre a tradicional são muitas. Entre elas, podemos citar o enxugamento e a economia dos recursos humanos e econômicos. No entanto, deve-se ponderar também as desvantagens. Como a perda do contato humano com o vendedor, e o fato desse mercado ser muito mais sensível ao preço. Isso é conseqüência, principalmente da maior vulnerabilidade à presença da concorrência, uma vez que a Internet elimina todas as barreiras físicas e geográficas entre o cliente e o ponto de venda.

Em suma, na vendas pela Internet, as variáveis mais importantes são preço, prazo de entrega e credibilidade. Portanto, ao optar por este canal de vendas, o empreendedor deve levar em consideração se terá condições de competir com milhares de outras lojas, muitas delas grandes varejistas, de qualquer lugar do Brasil ou do Mundo. Até por que, na Internet, existem sites que comparam preços do mesmo produto em diversos locais. Basta, portanto, um clique, para que o consumidor conheça a empresa que oferece as melhores condições. Por outro lado, quando se tem um produto exclusivo ou diferenciado, a relevância dessa variável é minimizada e a loja virtual torna-se uma ótima alternativa.

Apesar de não ser exigido conhecimento sobre lojas virtuais para montar uma, é importante que o empresário busque informação para poder escolher à solução que melhor se adéque a sua necessidade. Na própria Internet há varios tutoriais e vídeo-aulas sobre o assunto. No  Sebrae/PE, o cliente dispõe, para consulta gratuita, de material impresso e em vídeo sobre o assunto. Além disso, o Sebrae/PE promove frequentemente oficinas e encontros para discussão do tema. É o caso do seminário “Como sua empresa pode inovar na Web” que acontece no dia 13 de setembro, na sede do Sebrae/PE, com o objetivo de sensibilizar o empresário sobre as mudanças que estão ocorrendo . Além de tomar conhecimento, refletir e experimentar novas tendências em tecnologia que prometem mudar a forma como produzimos, vivemos e trabalhamos nos próximos anos, numa linguagem adaptada à realidade das Micro e Pequenas Empresas. Para mais informações sobre essa ou outras soluções que o Sebrae/PE oferece, consulte o site www.pe.sebrae.com.br ou ligue para 0800 570  0800.

Uma resposta para Vender pela internet: uma ótima oportunidade para micro e pequenas empresas.

  1. Roberto Moreira disse:

    Acho importante fazer uma análise na sua gestão de estoque e logística antes de investir em colocar no ar um site de e-commerce. Uma boa relação com seus fornecedores e clientes é muito importante para que a ferramenta tenha resultados possitivos. Normalmente o perfil de cliente que compra em sites procura por preço e principalmente agilidade na entrega, portanto, análise os custos logísticos e procure fornecedores confiáveis para uma boa prática de vendas pela internet. Fica a sugestão e parabéns pelo artigo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: